5 comidas típicas do Peru de dar água na boca!

Não me canso de repetir: experiências gastronômicas são obrigatórias nas minhas viagens. Afinal, comer é bom demais! Recentemente estive no Peru e não podia deixar de degustar os principais pratos da culinária local. Então hoje você confere aqui no blog 5 comidas típicas do Peru de dar água na boca!

 

Quinua / Quinoa

Salada de quinoa com frango. Para acompanhar, quiche lorraine.

Se você acha que a quinoa é uma descoberta recente, está muito enganado! Apesar de ser um grão que está super em alta por conta de seus benefícios nutricionais, ele já é cultivado e consumido no Peru desde o Império Inca. Então praticamente todos os restaurantes peruanos possuem no menu um prato feito com quinoa.

Eu gosto muito de comer quinoa, porque é uma comida leve mas que também te deixa saciado por muito tempo. Uma excelente pedida para dias quentes.

Além das refeições principais, é bem comum você encontrar chocolates de quinoa e quinoa pop (são pequenos flocos crocantes, muito usados em iogurtes e frutas). Se tiver a oportunidade, experimente também.

🍽️ Onde comi? Na Casa de Chá e Restaurante Las Bolena.

📍 Av. Reducto 1290, Miraflores – Lima, Peru. 

 

Lomo Saltado

Lomo saltado: arroz, fritas, lombo de vaca com legumes salteados.

O Lomo Saltado é basicamente a nossa versão de arroz, bife e batata frita, porém com diferentes detalhes. O prato é uma fusão da cozinha crioula peruana com a oriental. Perguntando-se qual é a influência oriental? É o preparo do lomo (lombo de vaca), frito com legumes salteados na wok/frigideira. Geralmente a carne é feita com cebola, alho, pimentão vermelho, batatas, chilli, pisco e molho de soja.

Não sei se foi no restaurante que comi, mas senti uma leve diferença no arroz. Enquanto aqui usamos o alho bem picadinho, no arroz peruano os pedaços eram bem maiores. Então era quase como se o arroz fosse arroz com alho. Também senti o sabor mais amanteigado. Particularmente, achei que combinou bem com a carne.

Trata-se de uma comida típica, facilmente encontrada nos restaurantes do Peru. É uma comida aconchegante, que de certa forma te remete à comida caseira e te teletransporta para casa por alguns instantes.

🍽️ Onde comi? No Restaurante El Choklo Peruvian Food.

📍 Calle Plateros, 348 A – Cusco, Peru.

 

El duo: Arroz con mariscos y ceviche

El trío: Chicharron, arroz con mariscos e ceviche a lo macho. Para beber, a famosa Chicha Morada.

O el duo consiste em 2 comidas bem típicas: o arroz com mariscos e o ceviche. Por que comer um só quando você pode comer dois de uma vez? #sougulosamesmo

Há quem diga que o arroz com mariscos lembra a paella espanhola. Mas, sinceramente, não vejo tanta semelhança. O arroz com mariscos peruano tem como principais ingredientes o arroz, lagostim, camarão, ají panca e ají amarillo (pimenta que lembra dedo-de-moça). Ele também leva outros componentes, porém varia muito de acordo com o restaurante. É um prato cremoso, muito bem temperado e um tanto picante.

O ceviche a lo macho é feito com diferentes tipos de peixes frescos, leite de tigre, chilli, cebola, batata doce, milho Andean e calamari frito por cima. Apesar da atração principal – os peixes marinados no leite de tigre – eu fiquei apaixonada pela batata doce! Não só a cor lembra abóbora, mas o sabor é quase uma mistura de batata doce com abóbora. Bem docinha e macia.

Além do milho cozido tanto no ceviche como no arroz, o prato ainda vem com uma porção separada de milho torrado. É muito comum comer isso por lá, como se fosse um aperitivo. Porém quando adicionado à comida, proporciona uma crocância bem gostosa. É viciante!

🍽️ Onde comi? No Restaurante Morena Peruvian Kitchen.

📍 Calle Plateros, 348 B – Cusco, Peru.

 

Pausa para… Restaurante Morena

Morena Peruvian Kitchen

Eu vou ter que fazer uma SENHORA PROPAGANDA do restaurante contemporâneo onde comi o el duo: o Morena. Além de ter um ambiente super aconchegante, eles têm um capricho com todos os detalhes. Os funcionários são muito simpáticos e prestativos, a apresentação dos pratos e acessórios é super criativa e os sabores são surpreendentes. Infelizmente, só descobri esse restaurante no meu último dia em Cusco. Mas, com certeza, teria frequentado mais vezes!

 

Churro

Churro recheado com doce de leite.

Para quem não sabe, o Peru foi colonizado pelos espanhóis no ano de 1532. Como consequência, o país recebeu muitas influências da cultura espanhola. Há uma discussão até hoje da origem dos churros, mas numa das versões conta-se que surgiu na Espanha pelos pastores de gado. Como eles não tinham fácil acesso ao pão, passaram a misturar água e farinha e depois fritavam essa massa.

Mas seja qual for a origem, os churros são muito consumidos no Peru. E assim como aqui no Brasil, você encontra carrocinhas na rua vendendo essa belezura. Mas também está incluso em muitos menus de restaurantes. Senti uma leve diferença na massa, que é um pouco mais fina e folheada quando comparada com a versão que comemos por aqui. Ela é polvilhada com açúcar antes de você comer.

Apesar do meu churro estar com pouco recheio, minha amiga que mora em Lima disse que os de lá são muito recheados! Daqueles que você morde e explode na boca. O sabor mais comum é o de doce de leite, mas você também encontra outras opções de recheio.

🍽️ Onde comi? Em algum lugar na Calle Santa Clara – Cusco, Peru.

 

Alfajor

Achou que só a Argentina era a terra do alfajor? Pois o Peru possui a sua própria versão. O alfajor peruano lembra um biscoito casadinho gigante, porém com uma massa mais fininha. A massa é levemente amanteigada, macia e que derrete na boca. Diferentemente do alfajor argentino, ela não é coberta com chocolate. Apenas peneirada com açúcar de confeiteiro. Contudo, como recheio mantêm-se o clássico doce de leite (porém é possível encontrar com outros sabores).

🍽️ Onde comi? No Café e Restaurante Plaza Cafe.

📍 Portal de Comercio, 117 (Localizado na Plaza de Armas) – Cusco, Peru.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também vai gostar de ler