Rotina de skincare – Para iniciantes

Como criar uma rotina de skincare para quem ainda não entende muito sobre o assunto?

Esse guia vai te ajudar a desvendar as principais dúvidas, para deixar a sua pele super saudável e bem cuidada!

E lembre-se: você não precisa gastar fortunas com produtos caríssimos!

Seja um produtinho de farmácia ou um mais sofisticado, todos são ótimos para você incluir na sua rotina!

Skincare básica

Para quem ainda não usa nada no rosto, não precisa se assustar! Você não é obrigado a incluir vários cosméticos na sua rotina diária.

Comece simples para conseguir manter o hábito!

Uma rotina de skincare super básica, mas que vai proteger e nutrir sua pele, consiste em apenas 4 passos/produtos:

1. Demaquilante

Eu sei que você já ouviu essa frase: “Não pode dormir com maquiagem!”.

Dormir com a maquiagem no rosto promove uma série de malefícios, já que “tampa” os poros de sua pele, impedindo que ela respire livremente.

E quais danos causam? Por exemplo, o envelhecimento precoce da pele, irritações, acne e ressecamento.

Para sua pele ter a aparência bonita, ela precisa estar saudável.

Por isso, é fundamental que antes do dormir você utilize um removedor de maquiagem.

Então, se desejar, a etapa do demaquilante pode ser seguida apenas à noite, antes de ir dormir.

Se você usa uma maquiagem mais “pesada” e caprichada, fica a dica:

Os demaquilantes à base de óleo são uma ótima escolha já que “derretem” a maquiagem com facilidade.

E se você tem a pele mais sensível ou seca, removedores de maquiagem à base de água micelar são super indicados por serem mais delicados para a sua pele.

E os famosos lencinhos removedores de maquiagem são recomendados?

Apenas se usados eventualmente e forem a última alternativa.

Em primeiro lugar, a maioria desses lenços demaquilantes não possuem material biodegradável. Então no quesito sustentabilidade, não se saem bem.

Mas tenha em mente que os lencinhos não removem completamente a maquiagem e impurezas, deixando para trás alguns resíduos na sua pele.

 

2. Limpador Facial

Esqueça os sabonetes para o rosto, porque eles podem deixar o ph de sua pele desequilibrado.

No lugar, prefira os limpadores faciais.

O limpador facial vai terminar de remover todas as impurezas que somos expostos ao longo do dia, além de possíveis resíduos de maquiagem que permaneceram na sua pele.

Se você optou na etapa anterior por um removedor de maquiagem à base de óleo, prefira um limpador facial que seja à base de água.

E existem limpadores para todos os gostos: em espuma, em gel e líquido.

Escolha o que mais te agrada!

 

3. Hidratante Facial

Faço questão de dizer que o hidratante é facial, então não vale usar no rosto o que você usa no seu corpo (a não ser quando é destinado para os dois usos).

Como o próprio nome já sugere, os hidratantes promovem a hidratação da sua pele, restaurando seu equilíbrio.

Mas o que você talvez não saiba é que eles criam uma camada protetora na pele, que além de protegê-la de perder água, também protege contra bactérias e poluentes externos.

Existem 3 tipos de hidratantes, com funcionalidades diferentes: emoliente, umectante e oclusivo.

O hidratante umectante atrai água da camada mais profunda da sua pele, levando-a para a camada mais superficial (mais para o topo);

Já o hidratante emoliente age como um preenchedor, que preenche os espaços entre as células da sua pele, criando assim uma barreira protetora;

Por fim, o hidratante oclusivo permanece na camada mais superficial da pele e basicamente evita que a sua pele perca água, evitando assim a desidratação.

Se você ficar um pouco perdido na hora de escolher, fica aqui uma dica valiosa:

  • Quem tem a pele oleosa, vai preferir usar hidratantes que sejam umectantes;
  • Quem tem a pele mista a seca, vai preferir usar hidratantes emolientes;
  • Quem tem a pele muito seca, vai preferir usar os hidratantes oclusivos.

E lembre-se que a condição de nossa pele pode mudar constantemente.

Por exemplo, sua pele pode ser frequentemente mista, mas no inverno pode se tornar seca.

Então a escolha dos hidratantes pode mudar ao longo do tempo.

 

4. Protetor Solar

Já falei em um post de resenha de protetor solar facial que você não pode deixar de sair de casa sem ele!

Faça chuva, faça sol, seja verão ou inverno!

Sua pele sempre estará exposta aos raios ultravioletas e eles são os grandes vilões do câncer de pele e manchinhas.

Portanto, de manhã e à tarde, o uso do protetor solar é obrigatório!

Eu sei que existem alguns hidratantes que já possuem FPS, porém sigo e repasso o conselho da minha dermatologista: no rosto, no mínimo FPS 50 (e dificilmente você vai encontrar um hidratante com FPS 50).

Por isso, é importante que você tenha um protetor solar separado do hidratante.

Se eu misturar dois filtros solares, o fator de proteção aumenta? Não!

Então se você usar junto um FPS 30 e um FPS 40, o que vai prevalecer é o fator de maior proteção: o FPS 40.

Não é aconselhável misturar o hidratante com o protetor solar, porque o filtro solar pode perder um pouco de sua eficácia, dependendo dos ingredientes que são utilizados no hidratante.

Então, só para garantir, prefira aplicar uma camada de hidratante no rosto e após sua absorção, aplicar o seu protetor solar.

E pode ser protetor solar com cor? Com certeza!

Hoje já existe uma infinidade de protetor solar facial com cor, que deixam o tom de pele homogêneo e escondem pequenas imperfeições, como olheiras escuras e vermelhidão.

Use e abuse do protetor solar!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também vai gostar de ler